Wiki X-Men Comics
Advertisement
Doutor Estranho (Stephen Vincent Strange) (Terra-616) Batalhas Galeria Armas Frases

Equipamentos

Normalmente veste o Manto da Levitação, o Olho de Agamotto, e o Orbe de Agamotto. Ele possui uma grande variedade de textos, artefatos e relíquias arcanas.

O próprio poder de Strange é muitas vezes amplificado pelos inúmeros artefatos mágicos que estão em sua posse ou por artefatos que ele usa no curso de suas aventuras. Os três artefatos que ele sempre carrega consigo são o Olho de Agamotto, o Manto da Levitação, e a faixa amarela amarrada na cintura. Em um ponto, devido a ele ter evocado o poder sombrio de Zom, ele não se considerou mais digno do cargo de Mago Supremo e passou a responsabilidade de escolher o próximo ao espírito do Ancião; Strange perdeu ao menos seus principais itens mágicos e seu antigo traje para o Irmão Vodu, o novo Mago Supremo da dimensão da Terra e da realidade primordial, mas após recuperar seu posto os itens foram recuperados.

  • O Olho de Agamotto (que reside dentro do Amuleto de Agamotto usado no pescoço do Dr. Estranho) é um poderoso e valioso artefato que possui muitas funções. Usando o olho, Strange pode ver através de qualquer mentira, fraude ou ilusão, enviar o olho para longe na velocidade da luz para interceptar e absorver grandes quantidades de qualquer tipo de energia e liberar outros que estão presos em suas próprias ilusões. Ele é frequentemente usado para amplificar os seus olhos da mente, dando habilidades psíquicas que rivalizam com o mais poderoso dos telepatas. É também muitas vezes usado para reproduzir eventos passados ​​de uma área, levantar seres que pesam centenas de quilos no ar telecineticamente, e abrir portais dimensionais, assim como colocar seres em animação suspensa. O Olho pode localizar seres por suas emissões psíquicas ou mágicas. A luz emitida pelo Olho também enfraquece uma variedade de seres místicos do mal, como demônios, seres mortos-vivos, entidades extra-dimensionais sombrias e até mesmo humanos corruptos praticantes de magia negra. Quando usado ofensivamente, nenhum ser pode resistir a sua luz por muito tempo; devido ao seu efeito letal, é muitas vezes utilizada como um arma de último recurso. O olho parece estar dimensionalmente ligado à Orbe de Agamotto, e é presenteado ao atual Maga ou Mago Supremo para ajudá-los em suas grandes deveres. O amuleto só pode ser usado por um ser com um coração puro e uma alma limpa.
  • O Manto da Levitação o permite voar (a cerca de 25 milhas por hora por tempo indeterminado), e responde aos seus pensamentos. Strange o usou muitas vezes como um "terceiro conjunto de mãos" para atacar um inimigo quando seu próprio corpo foi incapacitado. O manto é quase indestrutível, muitas vezes escapando ileso, mesmo durante os confrontos mais violentos. O manto já agiu de forma independente, como se tivesse vontade própria, bem como sendo quase-senciente. O manto foi quase destruída em pelo menos três ocasiões:
  1. Strange Tales (vol. 1) #157 — Durante a batalha contra Zom no Stonehenge. Strange foi capaz de a reconstruir em uma exibição de poder para provar ao Tribunal Vivo que ele era digno para corrigir os eventos cósmicos recentemente liberados.
  2. Doutor Estranho vol. 2, #77 — Durante a batalha contra o demônio Khat, enquanto Strange estava sofrendo um lento declínio de seus poderes de magia branca. A Capa foi reparada pelo Enitharmon, o Tecelão, o antigo mestre do segundo aprendiz de Strange, Rintrah. Embora o dano na capa nesta ocasião não tenha sido tão grave como antes, Strange foi incapaz de repará-la sonzinho.
  3. O terceiro caso é complicado. Durante sua tentativa de conquistar uma nova base de poder para si mesmo, depois de perder os poderes e proteções do Vishanti, Strange passou a se esconder para criar sua nova forja de poder, e quando ele ficou pronto, ele foi rejuvenescido, com aparência mais jovem e vestindo um novo traje e ele havia transformado a Capa em algo semelhante um Quimono ou um manto. No entanto, logo ele foi convocado para a Guerra das Sete Esferas pelo Vishanti. Após batalhar por cinco mil anos em outra dimensão, Strange retornou a Terra (tendo passado apenas alguns meses desde que ele partiu) totalmente esfarrapado. Suas habilidades mágicas se esgotaram e seu novo Manto/Capa estava em pedaços. Ele logo incorporou elementos da Capa no que seria chamado de "Sobretudo da Levitação"; um casaco vermelho com o enfeite dourado da Capa em volta do colarinho. No entanto, ele logo retornou a sua Capa tradicional.
  • A Faixa do Dr. Estranho, usada ao redor da cintura de Strange, esta faixa amarela encantada pode ser estendida dez vezes o seu comprimento normal.
  • O Orbe de Agamotto, uma grande bola de cristal que ele usa diariamente para monitorar as dimensões vizinhas e seu próprio mundo em busca de problemas;
  • A Varinha de Watoomb, a qual amplifica seu poder e absorve energia mística que pode ser utilizada para uma variedade de efeitos, tais como reabrir portais dimensionais e disparar raios místicos; um item de poder que pode ser divido em duas, embora sem poderes, partes, e pode reconstruir realidades quando combinada com outros objetos místicos (Atualmente perdida em outra realidade, devido à intromissão de Warren Traveler da Dinastia M).
  • O Livro do Vishanti, o qual contém alguns dos mais poderosos e secretos feitiços e contra-feitiços para magia branca do Multiverso, oposto as artes negras do Tomo Negro.

Ele possui inúmeros outros artefatos que ele utiliza em momentos de necessidade. Entre eles incluem:

  • A Mãos dos Mortos, um item altamente poderoso criado quinze séculos atrás, que permite Strange e outros a "entrarem nas marés do tempo e do espaço, viajar o mundo em um piscar de olhos, até mesmo estar em vários lugares ao mesmo tempo "embora possa ser prejudicial para o seu eu sua não-material se não utilizado para tais viagens; usado para Peter Parker em One More Day.
  • O Dreamwave Atlante, usado por Strange para explorar os pesadelos de John Blaze.
  • O Livro de Demonicus, usado por Strange para obter informações sobre Avarrish.
  • O Livro de Eibon, durante os dias da Hiperbórea, cerca de 750.200 anos atrás, era a épica do bruxo Eibon, o maior bruxo de Hiperbórea. Ele escreveu seu conhecimento no que ficou conhecido para a humanidade como "o Livro de Eibon '. Ao longo dos milênios o Livro de Eibon foi possuído por muitos feiticeiros e colecionadores. Ele acabou chegando às mãos do Ancião, que passou o livro para seu discípulo Dr. Stephen Strange, o qual o considera um de seus artefatos mais preciosos. Foi roubado por Urthona, mas acabou sendo recuperado por Agamotto.<
  • O Braseiro de Bom’Galiath, usado por Strange para permiti que Eric Masterson viajasse para o Inferno de Mephisto.
  • O Tomo de Oshtur, um antigo livro de magias a muitp tempo perdidas escrito por Oshtur.
  • * O Soro dos Serafins, um elixir para todos os fins capaz de curar ambas as doenças místicas e não-místicas, descrito como "o medicamento mais poderoso conhecido no oculto"; o soro é tão poderosa que apenas algumas gramas são necessárias. Ele geralmente é mantido em pequenos recipientes ornamentados contendo apenas algumas gramas. Qualquer ser que beber este soro é imediatamente devolvido a sua plena saúde e tem todas as suas feridas cicatrizadas. Qualquer fungo mágico, maldições físicas (como cegueira), ou doenças são mantidas sob controle, então curadas lentamente ao longo de alguns dias; Strange ou não possui mais o Soro ou os seus poderes têm limites: ele não poder ser utilizado, aparentemente, para curar o câncer no cérebro de Wong ou consertar as mãos quebradas de Strange.
  • Os Pergaminhos de Watoomb, uma preciosa fonte de conhecimento mágico escrita por Watoomb em um passado não identificado, dando a seu usuário um controle mais rápido e seguro sobre os Ventos de Watoomb, bem como um maior poder para os Ventos; os Pergaminhos também aumentam o poder do feiticeiro os empunha.
  • O Anel do Ancião, o qual pode ser usado para permitir que o Doutor Estranho possa fazer tudo que ele é capaz em sua forma física enquanto estiver em sua forma astral, bem como para tomar a forma do próprio Ancião.
  • O Cristal de Kadavus - O Cristal é uma grande gema que se parece com um crânio. Ao usar o encantamento adequado e expô-lo à luz de uma lua cheia, ele focaliza forças dimensionais. Quando esse feixe focalizado é dirigido a um objeto mágico o objeto é restaurado ao seu poder pleno, mesmo se o item anteriormente tenha sido drenado de seus poderes mágicos ou "destruído". Este procedimento deve ser repetido por pelo menos duas noites de lua cheia antes que o item seja restaurado ao seu poder máximo. O Cistal tem sido usado para restaurar ou conter o poder da Varinha de Watoomb.
  • O olho de Zartra, um "jóia mística" encantada arrancada pelo Príncipe Namor da Espada de Kamuu (reduzindo assim seu poder pela metade) e dado como um sinal de amizade para Strange; aumenta o poder da antiga Espada de Atlântida Kammu e fornece ao usuário da Espada imunidade a magia
  • O Caldeirão do Cosmos, mantido na Câmara de Meditação, permite a Strange "habitar os mistérios imutáveis ​​do universo" por horas, usados ​​basicamente para consultas e cristalomancia.
  • O Oculus Oroboros - O Oculus Oroboros é um dos mais poderosos, senão "o" mais poderoso, condutor para magia elemental de todos os tempos; coleta energia mágica elemental e a armazena para ser usada novamente a vontade. Durante séculos, foi escondido dos sentidos dos magos por um feitiço de camuflagem, até o dia em que um arqueólogo o perturbou, e ele ressurgiu novamente. O Oculus foi coletado por um construto etéreo de Strange durante a época em que ele estava à procura de amuletos de magia terrestres para abastecer sua nova fonte de energia; descrito como uma cobra comendo o próprio rabo.
  • O fragmento de Gaia, um cristal contendo uma porção da essência da Deusa Anciã Gaia, empunhada pelo Dr. Estranho contra os Imortais.
  • A Mão do Vishanti, capaz de expelir a forma etérea para o ajudar a localizar outras pessoas, foi dado a Peter Parker para o ajudar a localizar Sombra entrando no Plano Astral. Esse amuleto possui uma aparência de uma simples escultura de pedra semelhante a uma mão; a mão torna mais fácil para se transferir par ao plano astral, e possui uma conexão para que o portador possa encontrar seu caminho de volta.
  • A Joia de Trans-hipnosis, possuída pelo Ancião, pode teletransportar seu portador para uma outra dimensão por focar sua concentração nisso, e tem o poder de transformar matéria em imaginação.
  • O Kartkuthi, um livro guardado pelo Dr. Estranho, um trecho foi lido por Wong para libertar a forma astral de Strange quando ela foi aprisionada por uma espada místico do Tentáculo com a qual ele havia sido empalado; Strange terminou o feitiço para liberar sua forma astral e ajudar os Vingadores a alcançar a vitória, libertando Maya.
  • A Íris do Oráculo que Tudo Vê, uma ferramenta de convocação mantida no Sanctum Sanctorum usada para espionar locais e pessoas específicas; Este dispositivo circular com 2 metros de diâmetro, o qual se parece com um espelho pendurado no meio da mansão do Doutor Estranho. É um dispositivo de cristalomancia secundário que Strange ou seus amigos usam quando o Orb de Agamotto não está acessível; a Íris permite comunicações bidirecionais de áudio-visual com outro mago que o usuário escolher em qualquer lugar na Terra. É preciso saber o encantamento apropriado usá-lo.
  • O Oráculo de Agamotto, um dispositivo de back-up usado pelo Doutor Estranho após o Orbe ser quebrado e antes de Clea o consertar.
  • O Orbe de Snnnr, usado por Dr. Strange se comunicar com o Deplorável.
  • O Elixir de Oktid, uma poção imensamente poderosa capaz de curar todas as doenças na Terra que "tem o poder de apagar o que perturba a mente do homem"; roubado de Oktid pelo Dr. Estranho, destruído por Nicodemus West; uma gota foi guardada e usada por Strange para curar Wong de seu câncer no cérebro.
  • O Pergaminho da Eternidade, guardado por muito tempo pelo Geghis Idoso (o qual o deu a Strange), detém um feitiço que abre uma porta para um reino místico perto de Eternidade; ele detém o nome da Eternidade e assumesse que o feitiço, quando usado corretamente, irá realmente transportar o conjurador para a Eternidade, mas quando aconete o menor erro, este feitiço vai abrir uma porta para um mundo governado por um demônio que veio a ser conhecido como o Demônio da Máscara, um Reino da Loucura Eterna.
  • A Espada da Sombra Suprema, uma espada mágica que é capaz de infligir grande dor física através do corpo astral, dor que não pode ser parada por energias místicas, mesmo por aquelas mais poderosas como o Escudo dos Serafins; anteriormente utilizada pelo clone do mal de Strange da Guerra Infinita e agora está novamente armazenada e protegida por feitiços em seu Sanctum Sanctorum.
  • A Estrela de Capistan, um rubi maior do que qualquer outro existente, a sua senciência e vontade perversa própria corrompeu Strange, mas mesmo assim o Mago Supremo, com o Olho de Agamotto tendo falhado com ele, e sua participação na Ordem enfraquecendo sua própria sanidade, usou a estrela como seu amuleto em vez do Olho; A estrela era sensível a ondas cerebrais humanas em escala global e, possivelmente, até mesmo cósmica; Strange voltou a usar o Olho em breve, com o atual paradeiro da Estrela desconhecido, embora esteja provavelemtne escondido no Sanctum Sanctorum ou em outro lugar, devido à sua natureza letal e sinistra.
  • A Joia Roxa, uma das muitas joias encantadas com o poder da Dimensão Roxa de Aggamon dada a Strange pelo último Ancião; um dispositivo para conectar as dimensões, ele fornece um meio para entrar (ou ficar preso) na Dimensão Roxa, pode ampliar e focar o poder do Olho de Agamotto, prender um adversário, apesar de antigos e hábeis mestres de magia Asgardiana, como o deus Loki, resistiram a ser enviados para a Dimensão Roxa (ou caso ele tenha realmente sido enviado para lá, ele foi capaz de retornar instantaneamente usando seu próprio poder) e o portal conjurado foi quebrado por um gesto. Dito por Strange ter um potencial oculto maior ainda, e libera mais do seu vasto poder quando usado com um encantamento de Energia Dimensional que convoca a força de Aggamon.
  • O Bastão de David, usado pelo Doutor Estranho na batalha com Wandor.
  • O talismã de Abraxas, um amuleto que o Doutor Estranho deu a Namor para aliviar suas mudanças de personalidade.
  • As Varinhas de Satannish, objetos mantidos por Strange dentro do gabinete Nisanti.
  • O Diário de Kenneth Ward (o qual contou ao Doutor Estranho de seu encontro com vestígios dos Imortais em um vale escondido no Himalaia), mantido por Strange na biblioteca do Sanctum Sanctorum, contendo o local do vale.
  • Dois espelhos, necessárias para um "feitiço radical" usado para renovar a barreira encantada em torno do Sanctum Sanctorum.
  • Um amuleto mágico que lhe foi dada pelo Ancião na primeira edição de Strange, Strange Tales # 110 , usado para invocar o seu mestre, mesmo em forma de espírito, para impedir um homem de atirar nele; o Ancião colocou um feitiço hipnótico no homem para detê-lo.
  • Uma baralho encantado de cartas de tarô conhecido como o Primeira Baralho de Tarot utilizado pelo Doutor Estranho após os Defensores originais terem se separado para escolher os melhores heróis para lidar com os problemas para os Defensores Secretos; os heróis iriam por caminhos separados após o problema ser resolvido; o baralho foi utilizado por Ian McNee para descrever as magias e seus usuários.
  • Um amuleto mágico dado a Eric Masterson por Strange para protegê-lo da detecção dos demônios no inferno de Mephisto; foi perdido no Inferno.
  • Cristais de rubi místicos dados a Valquíria pelo Doutor Estranho para ser usados para "apontar o caminho" para o Hulk e Namor; os cristais parecem piscar com uma luz brilhante quando estão próximos um do outro, bem como giram até suas extremidades apontarem para qualquer que seja direção que o Hulk e Namor estejam.
  • Duas Joias Que são Uma, jóias mágicas roubados do Dr. Estranho por Urthona..

Por ser um membro dos Illuminati, ele também possui a Joia da Alma da Manopla do Infinito, embora ele jurou nunca usá-la ou revelar a sua localização. Strange também já manteve o Tomo Negro em sua biblioteca no Sanctum Sanctorum, usando-o para invocar a Fórmula Motensi e destruir todos os vampiros do Universo Marvel, bem como usá-lo junto com seus outros itens em uma tentativa de derrotar Adam Warlock, mas desde então foi retirado de sua biblioteca. Strange também estava na posse da Presa de Dragão, uma espada praticamente indestrutível, capaz de destruir certas barreiras místicas, bem como absorver a magia quando em contato com sangue; a Presa de Dragão foi esculpida a partir da presa de um dragão extra-dimensional por um feiticeiro Oriental chamado Kahji-Da e acabou caindo na posse do Ancião, que por sua vez a passou parara seu discípulo, Dr. Estranho. O Dr. Strange, em seguida, passou para Valquíria; durante os eventos de Ragnarök, ela morreu em batalha e a espada foi pega pela Lady Sif, amante de Thor, embora Sif também eventualmente morreria na destruição de Asgard. Após a ressurreição de Valquíria a espada voltou para suas mãos.

Strange, desesperado, foi forçado a usar um feitiço para destruir todos os seus artefatos mágicos para prevenir que Urthona os obtivesse, até mesmo a Orbe de Agamotto (embora o Tomo Negro foi incapaz de ser destruído até mesmo pela magia de Strange). No entanto, foi revelado que o próprio Agamotto teletransportou os artefatos para seu reino, e meses mais tarde Strange os recuperou.

Dr. Strange encolheu seus talismãs e os escondeu atrás do Olho de Agamotto. Ele os restaurou ao seu tamanho quando ele foi forçado a confrontar Adam Warlock com a Manopla do Infinito. Os Pergaminhos de Watoomb foram realmente úteis para cancelar os efeitos da Joia do Espaço, os Ventos de Watoomb convocados ao ler os Pergaminhos permitiram que Strange, Pip e Gamora andassem uma distância de anos-luz em poucos segundos. Pouco tempo depois, Strange teve que usar todos os talismãs para aumentar seus próprios poderes e se igualar, mesmo que apenas por alguns momentos, aos poderes de Adam Warlock. Após a luta, Strange voltou para casa e colocou os pergaminhos e outros talismãs em seus devidos lugares em seu quarto.

E por último, o seu Sanctum Sanctorum, devido a magia impregnada no seu interior, pode ser considerado como um artefato em si. O Sanctum tem uma janela circular com três linhas tortas; esse design tem sido mantido no edifício, apesar da destruição da janela em muitas ocasiões. O design é na verdade o Selo do Vishanti encontrado na janela do Sanctum Sanctorum do Dr. Estranho; isso protege o Sanctorum da maioria dos invasores sobrenaturais (e até mesmo a maioria dos não-místicos), também chamada de "Janela dos Mundos". Este selo não conseguiu barrar Hiroim, o Sacerdote das Sombra, quando ele utilizou o antigo poder das Antigas Sombra (embora Hiroim não era realmente mal, apenas irritado e em luto). Certos membros dos Novos Vingadores parecem saber sobre isso, e Quemistro do exército do Capuz, embora não possuindo poder para quebrar diretamente o encantamento do Vishanti, foi capaz de alterar a composição química da madeira que mantinha o selo para o quebrar.

Armas

Quando necessário, o Dr. Estranho utiliza armas mágicas que ele coletou.

Transporte

Teletransporte Dimensional, tanto dentro de uma dimensão, quanto entre elas (o segundo requer mais consumo em termos de energia mágica, curiosamente), usando magias, usando a energia mística do ambiente do Universo Marvel ou poderes de seres misteriosos específicos, como Watoomb, Valtorr ou Vishanti; Strange também já recorreu a meios mais convencionais, como carro, avião ou trem, e até mesmo andar a pé não está abaixo dele.

Links

Referências

​*Marvel Wiki: http://pt-br.marvel.wikia.com/wiki/Stephen_Strange_(Terra-616)

Advertisement